25 Fev. 2019: “Três Mulheres” de Robert Altman – Cineclube Espoletta FAE

O Cineclube Espoletta FAE chega ao final da Mostra Robert Altman com exibição e debate de Três Mulheres.

Sinopse: Pinky é uma desajeitada adolescente que começa a trabalhar em um spa no Deserto da Califórnia, Estados Unidos. Ela se afeiçoa muito à assistente do spa, Millie, quando se tornam colegas de quarto. Millie é uma moça solitária e desterrada que desesperadamente tenta ganhar atenção de todos com papos bem-humorados. Elas vão a um bar que pertence a uma estranha artista e o ex-marido caubói. Depois de crises emocionais, as três mulheres vão mudando as personalidades delas até assentar em uma nova unidade familiar, que parece conceder o que cada mulher estava procurando. Continuar lendo

Anúncios

23 Fev. 2019: “David Lynch: A Vida De Um Artista” de J. Nguyen, O. Neergaard-Holm e R. Barnes – Sessão de Sábado

Na programação do Sessão de Sábado dos meses de janeiro, fevereiro e começo de março, o SESC Paço da Liberdade realiza a Mostra de Cinema “A Arte e seu Enleio”.

Confira o texto oficial de apresentação:

“Para muitos, os processos artísticos são atributos de pessoas geniais. Mas, quando mergulhamos em seus cotidianos, o que vemos é o trabalho árduo e intenso. Pensar nos processos e cotidianos que envolvem as artes é também lançar uma reflexão acerca delas. Os mistérios vislumbrados nas artes pertencem ao domínio do essencialmente humano. O ego, os relacionamentos amorosos e com o público, a dureza de vivenciar os processos de elaboração simbólica das obras, são alguns dos temas esbarrados pelos filmes escolhidos para essa mostra. Música, artes plásticas, dança, literatura e o próprio cinema estão incluídos como objetos de estudo nos filmes. O que dizer quando um filme parte do próprio traço do autor para retratá-lo, como no caso de Com Amor, Van Gogh, uma animação toda elaborada como uma pintura feita por pincel? Os títulos dessa mostra lançam discussões fundamentais sobre os processos que envolvem a criação artística e o próprio papel social da arte.” 

A Mostra segue em frente com David Lynch: A Vida De Um Artista, de Jon Nguyen, Olivia Neergaard-Holm e Rick Barnes.

david-lynch-the-art-life-still-07-781x469

Sinopse: Em uma íntima relação com o personagem, o documentário narra os anos de infância e juventude que formaram a vida do cineasta David Lynch. Desde a criação idílica em uma pequena cidade até chegar às ruas escuras da cidade de Filadélfia, acompanhamos Lynch à medida que ele traça os eventos principais para a formação dele, assim como para o estilo enigmático da obra cinematográfica dele. Por exemplo, relata ter passado cinco anos em um estábulo criando o primeiro longa-metragem da carreira, Eraserhead. Porém, no filme Lynch não abandona totalmente a marca registrada dos principais filmes dele, ou seja, apresenta mais pistas do que respostas prontas. A jornada explora as experiências que moldaram essa que é uma das vozes mais distintas do cinema mundial desde então. Continuar lendo

23 Fev. 2019: “Desencanto” de David Lean – Cineclube Espoletta

O Cineclube Espoletta exibe e debate Desencanto, de David Lean.

Sinopse: Laura e Alec se conhecem por acaso em uma estação de trem, quando ele remove um cisco do olho dela. Ele é médico, ela é dona-de-casa. Ambos são de classe média, têm meia-idade e são razoavelmente felizes no casamento. Em pouco tempo, passam a se encontrar todas as quintas-feiras, mas apenas como bons amigos. Gradativamente, surge uma paixão mútua e eles continuam a se encontrar regularmente, apesar de saberem que o amor que está sendo cultivado é impossível. Continuar lendo

23 Fev. 2019: “Wilde – O Primeiro Homem Moderno” de Brian Gilbert – Sessão CineBiografia

A Sessão CineBiografia do Cineclube Espoletta exibe e debate Wilde – O Primeiro Homem Moderno, de Brian Gilbert.

Sinopse: A história de parte da vida de Oscar Wilde, poeta e dramaturgo irlandês, gênio da literatura. Não por acaso, o filme no Brasil tem uma espécie de subtítulo, “o primeiro homem moderno”. Na virada do Século 20, Wilde escandaliza a sociedade com a maneira que vive a própria homossexualidade. Casado e com filhos, vive um turbulento caso com o jovem Lorde Alfred Douglas. Devido ao fato, é processado pelo Marquês de Queensberry, pai de Alfred, e tem de enfrentar os tribunais da intolerante sociedade vitoriana. Continuar lendo

23 Fev. 2019: “Esperando Magrão” e “O Capiau Contra O Diabo” – Cineclube de Cinema Brasileiro

O Cineclube de Cinema Brasileiro exibe e debate Esperando Magrão, de Fernando Costa, e O Capiau Contra O Diabo, de Christofer Pallu e Fernando Iolla.

Confira o texto oficial de apresentação dos filmes: A produtora Asilo Febril, sediada em São José dos Pinhais, Paraná, Brasil, propõe aos exibidores independentes do país uma experiência única no cinema brasileiro feito hoje: ​ exibir dois filmes em uma única sessão ​! Trata-se de um projeto já antigo e que resultou em dois filmes ao mesmo tempo distintos e complementares: ​ Esperando Magrão (40 minutos) e ​ O Capiau Contra o Diabo (54 minutos), ambos filmados em 2017. Essas duas produções foram concebidas para serem projetadas em conjunto, formando uma experiência cinematográfica contínua de 94 minutos.

Com esta proposição, pretendemos resgatar a antiga tradição da ​ sessão dupla ​, uma prática comum no cinema de gênero até os anos 1970, na qual eram exibidas duas películas (o filme A e filme B) em uma mesma sessão. Recentemente, poucas foram as tentativas de reavivar essa prática, sendo uma das mais conhecidas o projeto Grindhouse ​ (2007), encabeçado pelos cineastas Quentin Tarantino e Robert Rodriguez. Foi precisamente visando ao benefício tanto do exibidor quanto do espectador.

A respeito das obras, podemos dizer que ​ Esperando Magrão é um suspense, enquanto ​ O Capiau Contra o Diabo é um filme de horror. O primeiro traz um enredo de crime enclausurado nas quatro paredes de um hotel à beira da estrada; o segundo é o relato das desventuras de uma viagem a uma comunidade do interior que resulta no encontro desafortunado de um grupo de adolescentes forasteiros com o Diabo. Comum a ambas as fitas é o senso de perigo iminente, o contato com meio social através de uma inusitada reunião de personagens secundários e as interações conflituosas no âmago dos grupos formados pelos protagonistas.

Sinopses:

Esperando Magrão. Três malandros se escondem num quarto de hotel com uma mala roubada. Só um criminoso pode salvá-los: Magrão.

Trailer: https://youtu.be/vgS9K6cxvwM Continuar lendo

07 a 28 Mar. 2019: “Shoah”, de Claude Lanzmann – CEPAT

O Centro de Promoção de Agentes de Transformação – CEPAT realiza um projeto de exibição e discussão do notável e importantíssimo documentário Shoah, de Claude Lanzmann. Lançado em 1985, é um verdadeiro clássico do documentário.

Como a obra tem quase 10 horas de duração, será exibida em partes, ao longo de quatro encontros, semanalmente às quintas-feiras. Ao final do projeto, está programado um último encontro com a presença de convidados, para aprofundamento da reflexão e do debate.

As inscrições podem ser solicitadas para o e-mail:
cepat_cjciascuritiba@asav.org.br

Ou mesmo pelo telefone (41) 3349-5343.

O projeto oferece certificado de participação.

O CEPAT é uma organização vinculada à instituições da Igreja Católica. Por isso, se faz importante constar que o caráter ecumênico é notável em seus eventos e atividades. Portanto, independentemente de sua crença religiosa, ou mesmo, ausência de crença, fique à vontade em participar! Trago aqui o meu atestado pessoal, de conhecedor de longa data do CEPAT, de que você perceberá respeito à diversidade, será bem acolhido e se sentirá em casa nas atividades.

Sinopse: Monumental trabalho de abordagem e investigação do Holocausto e de questões como o nazismo e antissemitismo. Realizado ao longo de 11 anos, o documentário tem uma característica notória de não se utilizar de imagens de arquivos em nenhum momento, sejam fotos ou vídeos. O filme é construído por filmagens atuais de locais históricos e entrevistas com diversos personagens, desde sobreviventes do Holocausto (como dos campos de concentração de Auschwitz, Treblinka e Sobibor e do Gueto de Varsóvia), até ex-oficiais nazistas e maquinistas que conduziam os trens da morte. Para além de retratar os fatos históricos do Holocausto e do genocídio nazista, o documentário também demonstra como o nazismo e antissemitismo perdurava, mesmo após décadas do final da 2ª Guerra Mundial, especialmente nA Alemanha e na Polônia. Continuar lendo

18 Fev. 2019: “Renegados Até A Última Rajada” de Robert Altman – Cineclube Espoletta FAE

O Cineclube Espoletta FAE continua a Mostra Robert Altman com exibição e debate de Renegados Até A Última Rajada.

Sinopse: 1937. Três assassinos condenados – Bowie (Carradine), Chicamaw e T-Dub (Remsen) – escapam de uma prisão na rural Mississippi, Estados Unidos. A gangue logo passa a fazer aquilo que melhor sabe: roubar bancos. O mais novo logo se apaixona por uma garota, o que traz problemas ao trio, enquanto o mais velho procura um antigo amor. Já o terceiro, vai se mostrando um alcoólatra e mulherengo incorrigível. As diferentes personalidades dos três está em constante conflito, e resta saber se os golpes destes criminosos podem continuar dando certo. Roteiro baseado no romance homônimo de Edward Anderson, que já havia sido adaptado no filme de 1948 Amarga Esperança, primeiro filme de Nicholas Ray na direção. Um dos clássicos da filmografia de Robert Altman. Continuar lendo

16 Fev. 2019: “A Maleta Fatídica” de Jacques Tourneur – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate A Maleta Fatídica, de Jacques Tourneur.

Sinopse: Após acabar nocauteado por dois ladrões de banco, James Vanning consegue escapar com a maleta de dinheiro dos assaltantes. Porém, ao tentar encontrar as autoridades, o inocente homem precisa convencer que não tem ligação com o roubo e o assassinato. Acusado, ele passa a ser perseguido tanto pelas autoridades quanto pelos verdadeiros ladrões. Continuar lendo

16 Fev. 2019: “Pendular” de Júlia Murat – Sessão de Sábado

Na programação do Sessão de Sábado dos meses de janeiro, fevereiro e começo de março, o SESC Paço da Liberdade realiza a Mostra de Cinema “A Arte e seu Enleio”.

Confira o texto oficial de apresentação:

“Para muitos, os processos artísticos são atributos de pessoas geniais. Mas, quando mergulhamos em seus cotidianos, o que vemos é o trabalho árduo e intenso. Pensar nos processos e cotidianos que envolvem as artes é também lançar uma reflexão acerca delas. Os mistérios vislumbrados nas artes pertencem ao domínio do essencialmente humano. O ego, os relacionamentos amorosos e com o público, a dureza de vivenciar os processos de elaboração simbólica das obras, são alguns dos temas esbarrados pelos filmes escolhidos para essa mostra. Música, artes plásticas, dança, literatura e o próprio cinema estão incluídos como objetos de estudo nos filmes. O que dizer quando um filme parte do próprio traço do autor para retratá-lo, como no caso de Com Amor, Van Gogh, uma animação toda elaborada como uma pintura feita por pincel? Os títulos dessa mostra lançam discussões fundamentais sobre os processos que envolvem a criação artística e o próprio papel social da arte.” 

A Mostra tem continuidade com Pendular, de Júlia Murat.

Sinopse: Um jovem casal se muda para um grande galpão industrial abandonado. Uma fita laranja colada no chão divide o espaço em duas partes iguais: à direita o ateliê de escultura dele, à esquerda o estúdio de dança dela. O enredo se desenrola neste ambiente onde arte, performance e intimidade se misturam; e onde os personagens vão perdendo aos poucos a capacidade de distinguir entre os projetos artísticos, a relação amorosa deles e o passado de cada um. Continuar lendo

16 Fev. 2019: “Cavaleiros De Ferro” de S. M. Eisenstein e D. Vasilev – Cineclube Espoletta

O Cineclube Espoletta exibe e debate Cavaleiros De Ferro, de Sergei M. Eisenstein e Dmitriy Vasilev. O filme também foi distribuído no Brasil com o título “Alexander Nevsky”.

Sinopse: Rússia, primeira metade do Século 13. Em um momento difícil da história russa, o país é invadido em uma frente pelos cavaleiros teutônicos e por outra pelos tártaros. Como resultado, a pátria é saqueada e a moral da população está em baixa. Finalmente, o deprimido e instável príncipe Alexander Yaroslavich Nevsky é chamado para liderar seu povo na luta contra os opressores. Roteiro baseado em fatos históricos. Continuar lendo

15 Fev. 2019: “A História Sem Fim” de Wolfgang Petersen – Cine Pipoca

O Cine Pipoca apresenta A História Sem Fim, de Wolfgang Petersen.

Sinopse: Quando o jovem Bastian pegou emprestado um misterioso livro, ele jamais sonhou que ao virar uma página seria levado a um mundo de fantasia onde pudesse ver um caracol de corrida, um morcego planador, um dragão da sorte, elfos, uma Imperatriz Menina, o valente guerreiro Atreyu e uma pedra ambulante chamada Come-Pedra. A História Sem Fim segue os limites da imaginação graças ao diretor/co-escritor Wolfgang Petersen e um super-time de técnicos que deram vida aos mais encantadores personagens. Você apreciará esta adorável aventura e descobrirá que ‘A História Sem Fim’ é a sua história. Continuar lendo

15 Fev. 2019: “Roma” de Alfonso Cuarón – Cineplus Jardim das Américas

Roma, de Alfonso Cuarón, um dos mais badalados filmes do ano de 2018, sucesso de crítica e de público, tem uma peculiaridade: ele foi exibido em alguns festivais de cinema e esteve cartaz de forma bastante limitada ao redor do mundo. O filme chegou ao grande público não através das salas de cinema, mas entrando no catálogo da provedora de audiovisual Netflix.

Porém, exibições especiais do filme em cinemas têm sido comuns no mundo todo, dando oportunidade aos fãs de apreciá-lo em telas grandes e sistemas de som adequados. No Brasil, não tem sido diferente. Por exemplo, o filme vem tendo sessões especiais na Cinemateca Brasileira (São Paulo).

Na cidade de Curitiba, é a rede Cineplus que realiza o feito pela primeira vez,  em parceria com a distribuidora Vitrine Filmes, representante do filme no Brasil.

roma-filme-da-netflix-dirigido-por-alfonso-cuaron-e-forte-candidato-ao-oscar
Sinopse: Cidade do México, capital do México, 1970. A rotina de uma família de classe média é controlada de maneira silenciosa por uma mulher, que trabalha como babá e empregada doméstica. Durante um ano, diversos acontecimentos inesperados começam a afetar a vida de todos os moradores da casa, dando origem a uma série de mudanças, tanto coletivas quanto individuais. Em uma declaração de amor às mulheres que o criaram, Cuarón se inspira na própria infância para traçar um retrato vívido e comovente dos conflitos domésticos e da hierarquia social durante as turbulências políticas dos anos 1970.

Continuar lendo

11 Fev. 2019: “Um Perigoso Adeus” de Robert Altman – Cineclube Espoletta FAE

O Cineclube Espoletta FAE prossegue a Mostra Robert Altman com exibição e debate de Um Perigoso Adeus.

Sinopse: O esperto detetive particular Philip Marlowe dá carona a um amigo de Los Angeles até a fronteira de Tijuana. Ao voltar para casa, encontra o apartamento cheio de policiais, sendo preso como cúmplice do assassinato da esposa do amigo. Quando é liberado após a polícia descobrir que o colega cometeu suicídio, o detetive é contratado por uma bela mulher que pretende encontrar o marido alcoólatra , que está desaparecido. Ao mesmo tempo, Marlowe descobre que o amigo morto no México tinha com ele US$ 350 mil que pertencia à máfia. Baseado no livro The Long Goodbye de Raymond Chandler. Continuar lendo

09 Fev. 2019: “Os Valentões” de Richard Quine – Cineclube Espoletta

A sessão regular do Cineclube Espoletta exibe e debate Os Valentões, de Richard Quine.

Sinopse: Eddie Shannon é um mecânico de carros que sonha em disputar um campeonato na Europa. Ele conhece e logo se apaixona por Barbara Mathews, e pensa que é recíproco. Ela o apresenta a Steve Norris e Harold Baker, que fazem a proposta de que ele dirija o carro na fuga de um roubo de banco. Ele recusa, mas acaba sendo persuadido por Barbara. Depois de tudo, Eddie descobre que estava apenas sendo usado por Barbara e que Steve e Harold têm planos de matá-lo. Continuar lendo