21 Jul. 2018: “Muita Calma Nessa Hora” de Felipe Joffily – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado continua o Ciclo “Comédias Nas Férias” com Muita Calma Nessa Hora, de Felipe Joffily.

Sinopse: Mari, Tita e Aninha são amigas. Cada uma esteve envolvida recentemente em acontecimentos tragicômicos. Nesse turbilhão de emoções, decidem juntas que é hora de mudar e partem em uma viagem para Búzios. Na estrada, conhecem Estrella, uma hippie, que pede carona para tentar achar o pai desconhecido no balneário. Num cenário de praias paradisíacas, situações hilárias, noitadas quentes e gente bonita, o rumo da vida das quatro moças muda a cada minuto, fazendo com que encontrem mais do que buscam: elas encontram a si próprias. Continuar lendo

Anúncios

07 Jul. 2018: “As Melhores Coisas Do Mundo” de Laís Bodanzky – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado dá início ao Ciclo “Comédias Nas Férias” com As Melhores Coisas Do Mundo, de Laís Bodanzky.

Sinopse: Mano é um adolescente de 15 anos. Ele está aprendendo a tocar guitarra com Marcelo, pois deseja chamar a atenção de uma garota. Os pais estão se separando, o que vem afetando tanto ele quanto o irmão mais velho. A melhor amiga e confidente de Mano é Carol, que está apaixonada pelo professor Artur. Em meio a estas situações, Mano precisa lidar com os colegas de escola em momentos de diversão e também sérios, típicos da adolescência nos dias atuais. Continuar lendo

30 Jun. 2018: “Pais E Filhos” de Hirokazu Koreeda – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado termina o Ciclo Cinema Oriental com Pais E Filhos, de Hirokazu Koreeda.

Sinopse: Duas famílias, de lugares, costumes e situação econômica muito diferentes, descobrem que os filhos foram trocados na maternidade quando nasceram. O pai da família mais rica decide que os garotos devem ser trocados. Mas, filho não é quem se cria? Os dilemas dos casais acentuam desde os primeiros instantes dos filhos biológicos em suas casas. Ao mesmo tempo, as crianças ficam confusas com uma situação que pouco entendem e sofrem dificuldade de adaptação, fora o sentimento de abandono. Os dois casais vão aos poucos compreendendo que a melhor solução para a complexa situação exige boa vontade e rompimento das convenções. Continuar lendo

23 Jun. 2018: “Cemitério De Esplendor” de Apichatpong Weerasethakul – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado prossegue o Ciclo Cinema Oriental com Cemitério De Esplendor, de Apichatpong Weerasethakul.

Sinopse: Numa pequena cidade da Tailândia, vinte e sete soldados são vítimas de uma estranha doença do sono. Para tratá-los, uma escola abandonada serve como abrigo. Uma mulher tailandesa de meia-idade, casada com um soldado americano aposentado, trabalha como voluntária no tratamento dos pacientes. Ela cria um interesse especial por Itt, que nunca recebe visitas. Continuar lendo

16 Jun. 2018: “O Segredo Das Águas” de Naomi Kawase – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado dá continuidade ao Ciclo Cinema Oriental com O Segredo Das Águas, de Naomi Kawase.

Sinopse: Na ilha japonesa de Amami-Oshima, as tradições envolvendo a natureza são eternas. Durante uma noite de danças tradicionais em agosto, o adolescente Kaito descobre um cadáver flutuando no mar. A namorada Kyoko tenta ajudá-lo a compreender a misteriosa descoberta. Juntos, Kaito e Kyoko aprenderão o que é se tornar um adulto, experimentando as delicadas relações entre vida, morte e amor. Continuar lendo

09 Jun. 2018: “Quando Meus Pais Não Estão Em Casa” de Anthony Chen – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado prossegue o Ciclo Cinema Oriental com Quando Meus Pais Não Estão Em Casa, de Anthony Chen.

Sinopse: Singapura, 1997. A rotina da família Lim é modificada com a chegada de Terry, empregada doméstica que foi para a cidade sonhando com uma vida melhor. Encarregada de cuidar do filho do casal, ela desenvolve uma relação afetiva com o menino. Continuar lendo

02 Jun. 2018: “Nossa Irmã Mais Nova” de Hirokazu Koreeda – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado inicia o Ciclo Cinema Oriental com Nossa Irmã Mais Nova, de Hirokazu Koreeda.

Sinopse: Três irmãs – Sachi, Yoshino e Chika – vivem juntas em uma grande casa na cidade de Kamakura. Quando o pai morre – que era divorciado e já não vivia com as filhas – as irmãs viajam para o interior para o funeral, e conhecem Suzu, a tímida meia-irmã adolescente. Após criar laços rapidamente com a órfã, pois a mãe dela também já morreu, elas convidam-na para viver em Kamakura. Se as irmãs não a convidassem, teria de viver com a terceira esposa do pai, com quem não se dá bem. Suzu concorda ansiosamente, sem nem mesmo hesitar. Agora, a vida das quatro irmãs passará por dificuldades com as mudanças, mas com um caminho também repleto de alegrias. Continuar lendo

19 Maio 2018: “VIPs” de Toniko Melo – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe VIPs, de Toniko Melo.

Sinopse: Ele foi empresário, aviador, líder de facção criminosa, rico e famoso. Vigarista, enganou autoridades, celebridades, jornalistas e até os guardas da prisão de Bangu, usando 15 identidades diferentes. Marcelo não consegue conviver com a própria identidade, e por isso assume a identidade de outros. Isto faz com que passe a ter diversos nomes, nos mais variados meios, onde aplica seguidos golpes. Inspirado na história real do ex-estelionatário Marcelo Nascimento da Rocha. Continuar lendo

12 Maio 2018: “O Batismo” de Marcin Wrona – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe O Batismo, de Marcin Wrona.

Sinopse: Michał espera mudar a sorte dele e escapar do passado criminoso que deixou para trás. Michał tem o que ele sempre sonhou: uma bela esposa, um filho recém-nascido, uma empresa própria. Mas, infelizmente, há uma sentença da máfia contra ele. Michał tenta desesperadamente encontrar uma maneira de salvar a família. Vários dias antes do batizado do filho, ele convida o velho amigo Janek para ser o padrinho. Isto é só o começo do plano de Michał para sobreviver à sentença. O roteiro é vagamente baseado na história real de um homem do interior da Polônia que, depois de trabalhar com a máfia na cidade natal, mudou-se para Varsóvia para mudar de vida. Continuar lendo

14 Abr. 2018: “Face A Face” de Ingmar Bergman  – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe Face A Face, de Ingmar Bergman.

Sinopse: Jenny Isaksson, psiquiatra e casada, é assombrada por visões de uma velha e passa a sofrer profunda depressão. Na procura desesperada de fugir do pesadelo, ela passa a ter um caso com Tomas Jacobi, um médico casado. Isto só serve para provocar nela uma crise histérica e, quando tem novas alucinações com a velha mulher, ela tenta suicídio. Enquanto está entre a vida e a morte ela imagina ver todas as pessoas que tiveram alguma influência na vida dela, e vai começando a entender quem é a velha senhora e por qual motivo provoca tanto sofrimento. Continuar lendo

07 Abr. 2018: “Vergonha” de Ingmar Bergman  – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe Vergonha, de Ingmar Bergman.

Sinopse: Em meio a uma guerra civil nos balcãs, um casal de violinistas, que se dizem apolíticos, fogem para viver isolados em uma ilha, onde sustentam-se com o cultivo e a venda de produtos da terra. Essa vida alienada acaba quando um grupo de soldados invade a ilha, e a população local reage criando um movimento de guerrilha. A partir desse momento, o casal não poderá ficar mais alheio à tudo o que acontece, e terão que lidar com as misérias, a destruição e os horrores da guerra. Continuar lendo

03 Fev. 2018: “Violeta Foi Para O Céu” de Andrés Wood  – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe Violeta Foi Para O Céu, de Andrés Wood.

Sinopse: O filme conta a trajetória da compositora, artista e cantora chilena Violeta Parra. Esta biografia não segue uma linha cronológica, focando em diversos momentos da vida de Violeta, como sua infância na província de Ñuble, sua viagem pelo interior do Chile, as visitas à França e à Polônia, além do romance que ela teve com o suíço Gilbert Favre. O filme é intercalado com trechos de uma entrevista que Violeta Parra deu à televisão em 1962. Continuar lendo

27 Jan. 2018: “O Serviço de Entregas de Kiki” de Hayao Miyazaki – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe O Serviço de Entregas de Kiki, de Hayao Miyazaki.

Sinopse: Kiki é uma jovem aprendiz de bruxa, e chegou o momento de ganhar o mundo. Faz parte da formação de bruxa, sair de casa ainda n adolescência e ir morar em outro lugar do país, aprendendo a sobreviver sozinha. Chegando na nova cidade, Kiki é acolhida por um casal de padeiros, e passa a retribuir a alimentação e hospedagem fazendo entregas da padaria utilizando a vassoura voadora dela. Continuar lendo

20 Jan. 2018: “Porco Rosso: O Último Herói Romântico” de Hayao Miyazaki – Sessão de Sábado

O Sessão de Sábado exibe Porco Rosso: O Último Herói Romântico, de Hayao Miyazaki.

Sinopse: Marco Porcellino é piloto acrobático de aviões e lutou a I Guerra Mundial, sendo o único sobrevivente do esquadrão dele. Em determinado momento da vida depois disso, o rosto dele foi transformado na de um porco, e passou a ser chamado de Porco Rosso. O filme não dá explicações como isso sucedeu. Ele vive de caçar piratas aéreos, resgatando o que eles roubam dos outros e recebendo recompensas. Fora algumas poucas amizades, como Gina, a proprietária de um hotel e aparentemente apaixonada por ele, Porco Rosso acumula na vida mais inimigos do que amigos. E não dá outra: os piratas de várias gangues, cansados de sempre ter em prejuízos por causa dele, se reúnem e contratam um exímio piloto americano para abatê-lo. Agora, Porco Rosso tem de provar mais uma vez que ainda é o melhor piloto das paradas, apesar da idade que vem chegando, num duelo com o americano. Para isso, terá ajuda de um antigo amigo e da neta dele para reconstruir o avião. Filme de Hayao Miyazaki único, com roteiro e estilo peculiares dentro da obra, Porco Rosso tem drama, comédia, ação e aventura intercalados de forma muito bem balanceada, tratando de temas como a guerra, a amizade e a procura de sentido na vida. E esse talvez seja o longa-metragem de Miyazaki em que ele tenha explorado com mais intensidade sua paixão pelo céu e máquinas voadoras.  Continuar lendo