16 Out. 2017: “Soldado Anônimo” de Sam Mendes – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Soldado Anônimo, de Sam Mendes.

Sinopse: Swoff é a terceira geração da família a servir o exército. Ele passa pelo campo de treinamento antes de ser designado para lutar no Iraque, onde precisa carregar um fuzil e cerca de 50 quilos de equipamento nas costas, através de desertos escaldantes. Estando num local que não compreendem, lutando contra um inimigo que não conseguem ver e sem entender direito o porquê de estarem ali, Swoff e os companheiros de batalhão sobrevivem à adversidade local utilizando-se de humor negro e sarcasmo.

Continuar lendo

Anúncios

09 Out. 2017: “Alyonka” de Boris Barnet – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Alyonka, de Boris Barnet.

Sinopse: Situado em 1955, quando muitos migraram da Rússia para as estepes do Cazaquistão, esta é a viagem de personagens que contam suas histórias de colonos. Alenka Muratova é uma carismática menina de 13 anos que fala para Dmitry Prokovich – o mecânico-chefe do grupo – em desistir do assento dela no caminhão para ceder a uma jovem mãe com a filha recém-nascida. Então, Alenka e Dmitry compartilham a parte de trás do caminhão com: uma jovem mulher, dentista recém-formada; Stefan, que espera a mulher de classe alta retornar para ele e para o campo; e Vasselina Petrovolka, uma mulher que perdeu uma de suas filhas gêmeas em um acidente de cavalo no rio, e agora está voltando para contar a notícia à outra gêmea. O filme é um caloroso olhar sobre as pessoas comuns que viajam na fronteira.

Continuar lendo

07 Out. 2017: “Uma Lição Para Não Esquecer” de Paul Newman – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Uma Lição Para Não Esquecer, de Paul Newman. Atenção: excepcionalmente, essa sessão do cineclube começará as 14h00.

Sinopse: Hank Stamper e o pai, Henry Stamper possuem e administram uma madeireira independente no Oregon. Quando Leland, o meio-irmão de Hank, retorna após dez anos ausente, a tensão entre pai e filhos começa a surgir. Leland guarda ressentimento do pai, devido o tratamento que ele dava à falecida mãe. Henry não gosta da maneira “hippie” de pensar do seu filho pródigo. E Hank enxerga Leland como uma ameaça para a posição dele no negócio da família. É no meio deste cenário tenso e conturbado que os homens da família Stamper precisam lutar com todas as suas forças para defender o negócio contra os furiosos madeireiros da região, que estão em greve e exigem que eles parem também. Continuar lendo

02 Out. 2017: “Djinn” de Tobe Hooper – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Djinn, de Tobe Hooper.

Sinopse: Um jovem casal dos Emirados Árabes volta para casa depois de uma breve passagem pelo Estados Unidos, onde perderam o primeiro filho num misterioso acidente. Não demora para a mulher descobrir que o novo apartamento, num luxuoso arranha-céu, é também a residência de um ser malévolo conhecido como Djinn. Continuar lendo

30 Set. 2017: “A Dama De Honra” de Claude Chabrol – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate A Dama De Honra, de Claude Chabrol.

Sinopse: Philippe tem 25 anos, mora com a mãe e as irmãs mais novas em um bairro tranquilo e acaba de arrumar um emprego no ramo imobiliário. A rotina é quebrada durante o casamento de uma das irmãs. É quando ele conhece Senta, a dama de honra, por quem se apaixona. Dominado pelo sentimento, Philippe é convencido pela jovem a realizar uma perigosa prova de amor que envolve poesia e assassinato. Continuar lendo

25 Set. 2017: “Os Verdes Anos” de Paulo Rocha – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Os Verdes Anos, de Paulo Rocha.

Sinopse: Júlio, dezenove anos de idade, desloca-se da província para Lisboa, para tentar a sorte e ganhar a vida como sapateiro. Mal chega, um acaso o leva a conhecer Ilda, uma jovem da idade dele, empregada doméstica. O jovem provinciano sente-se num ambiente estranho e hostil. A cidade inquieta-o. Sucedem-se várias coisas que o perturbam. Começa a desconfiar da Ilda, que acaba com o namoro. O filme é considerado o marco inaugural do Cinema Novo (ou Novo Cinema) Português, em 1963. Continuar lendo

18 Set. 2017: “Pernas Provocantes” de William A. Wellman – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Pernas Provocantes, de William A. Wellman.

Sinopse: Baseado em caso real, o filme conta a história de Roxie Hart, que assassinou o marido em Chicago, e acabou entrando em armações com o advogado Billy Flinn. Continuar lendo

11 Set. 2017: “Paprika” de Satoshi Kon – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Paprika, de Satoshi Kon.

Sinopse: Num futuro próximo, Dr. Tokita inventa um poderoso aparelho chamado DC-Mini, que torna possível o acesso aos sonhos das pessoas. Uma colega dele, a Dra. Atsuko Chiba, psicoterapeuta e pesquisadora de ponta, desenvolve um tratamento psiquiátrico revolucionário a partir do aparelho. Mas, antes do uso ser sancionado pelo governo, o DC-Mini é roubado. Quando vários dos pesquisadores do laboratório começam a enlouquecer e a sonhar em estado de vigília, Atsuko assume um alter-ego, Paprika, a bela “detetive de sonhos”, para mergulhar no mundo do inconsciente e descobrir quem está por trás da tragédia. Continuar lendo

09 Set. 2017: “A Tocha De Zen” de King Hu – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate A Tocha De Zen, de King Hu. Atenção: excepcionalmente, o cineclube iniciará as 15h00 nesta semana.

Sinopse: Ku Shen Chai, um artista solitário, vive com a mãe perto de um forte abandonado. Intrigado com os misteriosos ruídos noturnos, ele sai para investigar e conhece a bela Yang, que mora nos arredores. Yang é uma princesa perseguida pelos assassinos que estão à caça da família dela, e Shen Chai logo se vê envolvido na perigosa trama. Continuar lendo

04 Set. 2017: “Nausicaä Do Vale Do Vento” de Hayao Miyazaki – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Nausicaä Do Vale Do Vento, de Hayao Miyazaki.

Sinopse:Após a destruição da maior parte da Terra pelo homem em um episódio conhecido como “Sete Dias de Fogo”, os seres humanos sobreviventes vivem em pequenas comunidades espalhadas pelo globo. Uma dessas comunidades é o Vale do Vento, onde a princesa Nausicaä está estudando a Floresta Tóxica, dominada por insetos gigantes e plantas tóxicas, que vem tomando conta das últimas cidades que restam. O restante dos reinos quer destruir a Floresta Tóxica a todo o custo, mas a princesa e seu povo vai lutar para demonstrar que o confronto é um erro. Continuar lendo

02 Set. 2017: “O Trem” de John Frankenheimer – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate O Trem, de John Frankenheimer.

Sinopse: Paris, agosto de 1944. Com o exército aliado cada vez mais próximo, o Coronel Van Waldheim, um comandante alemão, nazista fanático e admirador de arte, rouba vasta coleção de pinturas raras francesas e as embarca em um trem com destino a Berlim. Mas, quando um estimado patriota francês é assassinado durante a tentativa de sabotagem do plano de Von Waldheim, Labiche, um corajoso membro da Resistência, jura deter o trem a qualquer custo. Fazendo uso de seu vasto arsenal de habilidades, Labiche causa uma verdadeira onda de devastação e destruição: trilhos soltos, passagens destruídas e colisões, em uma busca apaixonada por justiça, reconhecimento e vingança. Continuar lendo

28 Ago. 2017: “Stop Making Sense” de Jonathan Demme – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Stop Making Sense, de Jonathan Demme.

Sinopse: Considerado um dos mais inovadores filmes-concerto de todos os tempos, Stop Making Sense documenta os melhores momentos da banda Talking Heads durante três apresentações no Hollywood’s Pantages Theater, em dezembro de 1983. Continuar lendo

21 Ago. 2017: “Pica-Paus Não Têm Dor De Cabeça” de Dinara Asanova – Cine FAP

O Cine FAP exibe e debate Pica-Paus Não Têm Dor De Cabeça, de Dinara Asanova.

Sinopse: Dois jovens de 14 anos experimentam os primeiros sofrimentos do amor enquanto vivenciam seus últimos momentos de infância. Continuar lendo

19 Ago. 2017: “Portrait Of Jason” de Shirley Clarke – Cineclube do Atalante

Neste mês de agosto, o Cineclube da Cinemateca passa a se chamar Cineclube do Atalante. A mudança é apenas no nome: a coordenação, debatedores e concepção continua a mesma. No próximo encontro, exibição e debate de Portrait Of Jason (Retrato de Jason), de Shirley Clarke.

Sinopse: Estados Unidos, anos 1960. Montagem dos melhores momentos de uma entrevista de doze horas com Aaron Payne, mais conhecido pelo nome artístico de Jason Holliday, figura peculiar da década de 60 no Estados Unidos. Entre cigarros e bebidas, Holliday narra fatos de sua vida – como ter sido ajudante doméstico, garoto de programa e aspirante a artista de cabaré – e tece comentários diversos e observações sobre o que significa ser e como é ser um homem negro e gay no Estados Unidos daquela época. Continuar lendo