14 Jun. 2017: “Samba” de O. Nakache e E. Toledano – Cine-Debate MigraMundo

O último encontro do primeiro ciclo do Cine-Debate MigraMundo exibe e debate Samba, de Olivier Nakache e Eric Toledano.

Sinopse: Samba é um imigrante do Senegal que vive na França há dez anos, e desde então tem se mantido no novo país às custas de pequenos empregos. Alice, por sua vez, é uma executiva experiente que tem sofrido com estafa devido ao estressante trabalho. Enquanto ele faz o possível para conseguir os documentos necessários para arrumar um emprego digno, ela tenta recolocar a saúde e a vida pessoal no trilho. Cabe ao destino determinar se os dois estarão juntos nessa busca. Continuar lendo

Anúncios

06 Jun. 2017: “Línguas – Vidas Em Português” de Victor Lopes – Cine-Debate MigraMundo

O quinto encontro do Cine-Debate MigraMundo exibe e debate Línguas – Vidas Em Português, de Victor Lopes. Nesta semana, excepcionalmente o encontro do cineclube será na 3ª feira, dia 06.

Sinopse: Todo os dias, duzentas milhões de pessoas levam as vidas delas em português. Fazem negócios e escrevem poemas. Brigam no trânsito, contam piadas e declaram amores. Todo dia a língua portuguesa renasce em bocas brasileiras, moçambicanas, goesas, angolanas, japonesas, cabo-verdianas, portuguesas, guineenses. Novas línguas mestiças, temperadas por melodias de todos os continentes, habitadas por deuses muito mais antigos e que ela acolhe como filhos. Língua da qual povos colonizados se apropriaram e que a devolvem agora, reinventada. Língua que novos e velhos imigrantes levam consigo para dizer certas coisas que nas outras não cabe. O documentário foi filmado em 9 países, e a peculiaridade do tema já começa mesmo com o diretor: é dirigido por Victor Lopes, um português crescido no Moçambique e que vive no Brasil há 25 anos. O documentário tem como objetivo mergulhar nas muitas histórias da língua portuguesa e na sua permanência entre variadas culturas do planeta. Continuar lendo

31 Mai. 2017: “O Porto” de Aki Kaurismäki – Cine-Debate MigraMundo

O quarto encontro do Cine-Debate MigraMundo exibe e debate  O Porto, de Aki Kaurismäki. Saiba mais sobre o cineclube acessando a matéria do AG Comunique clicando aqui.

Sinopse: Marcel era um escritor conhecido pela boemia, e mudou drasticamente de vida quando se mudou para a cidade portuária de Le Havre. Na nova cidade, exerce uma nova profissão, de engraxate, levando uma vida pobre mas tranquila, ao lado da esposa Arletty. Tudo vai bem… Até um dia em que se depara com um imigrante ilegal, um garoto africano que tentava chegar a Londres. Vindo de um grupo de clandestinos descoberto em um contêiner pela polícia de imigração francesa, o garoto conseguiu fugir. Ao mesmo tempo em que tenta escondê-lo, Marcel tem que lidar com a doença de Arletty, internada num hospital local. Continuar lendo

24 Mai. 2017: “A Jaula De Ouro” de Diego Quemada-Díez – Cine-Debate MigraMundo

O terceiro encontro do Cine-Debate MigraMundo exibe e debate A Jaula De Ouro, de Diego Quemada-Díez.

Esse é mais um cineclube que surge em Curitiba. Traz um importantíssimo tema transversal como unidade entre os filmes e uma programação muito bem escolhida. Organizado como projeto de extensão da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), é aberto a todos os interessados. Não precisa ser estudante ou ter qualquer outro vínculo com a instituição para prestigiar. Por enquanto, existe programação já definida e agendada até final de junho, mas desejamos vida longa ao cineclube!

Confira a apresentação oficial do projeto: O cineclube Cine-Debate Migramundo tem como foco a exibição e o debate de filmes sobre as migrações internacionais contemporâneas em diferentes partes do mundo. Entre outros, temas como as migrações em família, o deslocamento de crianças, os migrantes e refugiados em busca de trabalho, a interculturalidade, as afetividades e identidades na trajetória da imigração e do refúgio, serão explorados nesta mostra de filmes. Saiba mais sobre o cineclube acessando a matéria do AG Comunique clicando aqui.

Sinopse: Os jovens Juan, Sara e Samuel fogem da Guatemala para tentar chegar aos Estados Unidos, carregando com eles o sonho de encontrar um mundo melhor além das fronteiras da terra natal. Durante a passagem pelo México, o grupo encontra o índio tzotzil Chauk, que não fala espanhol e viaja sem documentos.

Continuar lendo

17 Mai. 2017: “O Segredo De Lorna” de Jean-Pierre e Luc Dardenne – Cine-Debate MigraMundo

O Cine-Debate MigraMundo exibe e debate O Segredo De Lorna, de Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne.

Esse é mais um cineclube que surge em Curitiba. Traz um importantíssimo tema transversal como unidade entre os filmes e uma programação muito bem escolhida. Organizado como projeto de extensão da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), é aberto a todos os interessados. Não precisa ser estudante ou ter qualquer outro vínculo com a instituição para prestigiar. Por enquanto, existe programação já definida e agendada até final de junho, mas desejamos vida longa ao cineclube!

Confira a apresentação oficial do projeto: O cineclube Cine-Debate Migramundo tem como foco a exibição e o debate de filmes sobre as migrações internacionais contemporâneas em diferentes partes do mundo. Entre outros, temas como as migrações em família, o deslocamento de crianças, os migrantes e refugiados em busca de trabalho, a interculturalidade, as afetividades e identidades na trajetória da imigração e do refúgio, serão explorados nesta mostra de filmes.

Sinopse: Lorna, jovem imigrante albanesa, vive na Bélgica, onde sonha em abrir uma lanchonete com o namorado Sokol. Para tal, ela entra nos esquemas escusos do criminoso Fabio, que lhe arranja um casamento branco com Claudy, jovem viciado em drogas, para que Lorna obtenha nacionalidade belga. Segundo o planejado, Lorna deveria se casar depois com um mafioso russo, disposto a pagar muito dinheiro por isso. Para que o segundo casamento possa acontecer rapidamente, Fabio pretende matar Claudy. No entanto, Lorna acaba se apegando ao rapaz e tem dúvidas se conseguirá compactuar com o crime. Continuar lendo

25 Nov. 2014: “De Volta para o Futuro” de Robert Zemeckis – Terça Tem Cinema

O tema deste ano do Terça Tem Cinema é Tempo de Cinema.

O ciclo e as atividades deste ano se encerram com De Volta para o Futuro, de Robert Zemeckis.

Desejamos ótimas férias ao pessoal do Clube de Cinema da UTFPR. Já estamos ansiosos em saber o tema a ser escolhido para o ano que vem. Voltem com tudo em 2015, gente!

Sinopse: Um irresistível e fantástico filme de aventura que ultrapassa as barreiras do tempo. Michael J. Fox intepreta Marty McFly, um típico adolescente americano dos anos 1980, que acidentalemente é enviado de volta ao ano de 1955 em um carro modificado para ser uma máquina do tempo, inventada por um cientista louco, interpretado por Christopher Lloyd. Durante sua fantástica e maluca viagem no tempo, McFly tem que fazer com que seus futuros pais, Crispin Glover e Lea Thompson, se encontrem e se apaixonem, para que assim ele possa ir de volta para o futuro.  Continuar lendo

30 Set. 2014: “Cidade de Deus” de Fernando Meirelles e Kátia Lund – Terça Tem Cinema

O tema deste ano do Terça Tem Cinema é Tempo de Cinema.

Continua este mês com Cidade de Deus, de Fernando Meirelles e Kátia Lund, um dos mais importantes filmes brasileiros de todos os tempos.

Sinopse: Buscapé é um jovem pobre, negro e muito sensível, que cresce em um universo de muita violência. Ele vive na Cidade de Deus, favela carioca conhecida por ser um dos locais mais violentos da cidade. Amedrontado com a possibilidade de se tornar um bandido, Buscapé acaba sendo salvo de seu destino por causa de seu talento como fotógrafo, o qual permite que siga carreira na profissão. Pelo olhar através da câmera que Buscapé analisa o dia-a-dia da favela onde vive, e a violência aparenta ser infinita na tensão e rivalidade cada vez maior que vai se criando entre duas gangues locais. Continuar lendo

26 Ago. 2014: “Eu Te Amo, Eu Te Amo” de Alain Resnais – Terça Tem Cinema

O tema deste ano do Terça Tem Cinema é Tempo de Cinema.

Continua este mês com Eu Te Amo, Eu Te Amo, de Alain Resnais.

Sinopse: Uma das mais brilhantes explorações de Alan Resnais sobre a alma do tempo e da memória. O principal personagem do filme, Claude Ridder, é um suicida fracassado que é convidado para participar de uma experiência, já testada num rato, que irá enviá-lo ao passado para recapturar um momento de sua vida. Ele concorda e, ao lado do ratinho, viaja através do tempo e se perde. Enquanto os cientistas tentam trazê-lo de volta, fragmentos do seu passado emergem de vez em quando, mostrando um nebuloso caso de amor com uma garota que ele pode ou não ter assassinado. Continuar lendo

29 Jul. 2014: “Amnésia” de Christopher Nolan – Terça tem Cinema

Um dos mais duradouros cineclubes de Curitiba, o Terça Tem Cinema, do projeto Clube de Cinema da UTFPR,  traz esta semana a sua terceira sessão de 2014, em seu 6º ano de atividades.

O Terça Tem Cinema é um cineclube que ocorre ao longo do calendário letivo da UTFPR, com periodicidade mensal, e sempre trazendo a programação desenvolvida a partir de um tema e buscando uma variedade de estilos, nacionalidades e épocas entre os filmes. O tema deste ano é Tempo de Cinema.

O filme deste mês é Amnésia, de Christopher Nolan.

Sinopse: Rapaz que teve mulher brutalmente assassinada parte em busca do criminoso. Só que ele tem um problema: após o ocorrido, ele não consegue se lembrar por muito tempo de situações recentes, o que o deixa a mercê de anotações e na confiança das pessoas. Primeiro trabalho de grande expressão de Christopher Nolan, o filme é contado de uma forma bastante interessante, entre outros recursos, utilizando na construção do filme o modo como o personagem pensa. Continuar lendo

27 Mai. 2014: “Rashomon” de Akira Kurosawa – UTFPR

Um dos mais duradouros cineclubes de Curitiba, o Terça Tem Cinema, do projeto Clube de Cinema da UTFPR,  traz esta semana a sua segunda sessão de 2014, em seu 6º ano de atividades.

O Terça Tem Cinema é um cineclube que ocorre ao longo do calendário letivo da UTFPR, com periodicidade mensal, e sempre trazendo a programação desenvolvida a partir de um tema e buscando uma variedade de estilos, nacionalidades e épocas entre os filmes. O tema deste ano é Tempo de Cinema.

O filme da vez é o superclássico Rashomon, de Akira Kurosawa.

Sinopse: Tendo como cenário o Japão de século XI, o filme inicia em uma conversa entre três homens: um lenhador, um padre e um plebeu, que se refugiaram de uma tempestade sob as ruínas do portal de Rashomon. O padre começa a relatar um julgamento do qual participou como testemunha, envolvendo o estupro de uma mulher por um bandido e o assassinato do marido dela, o samurai Takehiro. Enquanto o padre narra em flashback, vão se passando as cenas do julgamento, e os aspectos do crime sob o ponto de vista de cada testemunha, inclusive do próprio espírito do morto, que é incorporado por uma médium. O filme é baseado em dois contos de um dos mais importantes escritores da literatura japonesa, Ryunosuke Akutagawa. O filme é considerado um dos principais clássicos do cinema oriental e o principal marco na abertura das portas do mundo ao cinema japonês. Continuar lendo

29 Abr. 2014: “Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças” de Michel Gondry – UTFPR

Com muito contento, divulgamos que um dos mais duradouros cineclubes de Curitiba, o Terça Tem Cinema, do projeto Clube de Cinema da UTFPR, inicia seu 6º ano de atividades!

Para quem não conhece, o Terça Tem Cinema é um cineclube que ocorre ao longo do calendário letivo da UTFPR, com periodicidade mensal, e sempre trazendo a programação desenvolvida a partir de um tema e buscando uma variedade de estilos, nacionalidades e épocas entre os filmes.

O tema deste ano é Tempo de Cinema, e inicia com a exibição e debate de um dos mais importantes filmes dos anos 2000, Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças, de Michel Gondry.

Sinopse: Joel e Clementine formavam um casal que durante anos tentaram fazer com que o relacionamento entre ambos desse certo. Desiludida com o fracasso, Clementine decide esquecer Joel para sempre e, para tanto, aceita se submeter a um tratamento experimental, que retira de sua memória os momentos vividos com ele. Após saber da atitude dela, Joel entra em depressão, frustrado por ainda estar apaixonado por alguém que quer esquecê-lo. Decidido a superar a questão, Joel também se submete ao tratamento experimental. Porém, ele acaba desistindo de tentar esquecê-la e começa a encaixar Clementine em momentos de sua memória os quais ela não participa. Continuar lendo