11 Set. 2019: “Conjunto Habitacional” de Vera Chytilová – Cineclube Solax

O Cineclube Solax exibe e debate Conjunto Habitacional, de Vera Chytilová.

Sinopse: Em um caricato bloco de apartamentos desorganizados e mal construídos, diversas histórias se encontram. De um senhor de idade, andarilho e desocupado, até um menino rebelde procurando o pai, todas as pessoas possuem em comum o senso de comunidade e solidariedade que os sustenta, mesmo com todos os problemas da vida. Continuar lendo

Anúncios

04 Set. 2019: “As Pequenas Margaridas” de Vera Chytilová – Cineclube Solax

O Cineclube Solax exibe e debate As Pequenas Margaridas, de Vera Chytilová.

Sinopse: Vera Chytilová é uma das poucas cineastas mulheres reconhecidas pela crítica na década de 1960. Com um estilo peculiar, marcou a ousadia de uma época. Neste que é o segundo longa-metragem dela, temos uma “farsa filosófica feminista” (definição da própria Vera), amalucada e psicodélica, na qual duas jovens de mesmo nome, Marie, decidem que se o mundo vai mal, elas vão ser más também. Numa explosão de cores, cortes rápidos e com muitas experimentações de linguagem, as meninas vaidosas e gulosas esculhambam homens mais velhos que se dizem apaixonados, dançam bêbadas sem se importar com quem as cerca e promovem toda sorte de traquinagem, abalando a pretensa normalidade. Continuar lendo

28 Ago. 2019: “O Médico Alemão” de Lucía Puenzo – Cineclube Solax

Neste mês, o Cineclube Solax traz quatro filmes de duas diretoras latino-americanas. A programação chega ao fim com exibição e debate de O Médico Alemão, filme da diretora argentina Lucía Puenzo.

Sinopse: Enquanto atravessa a região desértica da Patagônia, em 1960, uma família argentina conhece um médico alemão que se prontifica a se hospedar no hotel que estão reabrindo. Todos da família gostam dos bons modos e conhecimentos científicos do homem, que em especial se mostra muito preocupado com Lilith, garotinha com um pequeno problema de crescimento. Porém, ignoram que ele é Josef Mengele, cientista nazista que realizou experimentos com humanos no campo de concentração de Auschwitz. Josef não foi até à Argentina com o intuito de se aposentar dos experimentos científicos dele… Continuar lendo

21 Ago. 2019: “XXY” de Lucía Puenzo – Cineclube Solax

Neste mês, o Cineclube Solax traz quatro filmes de duas diretoras latino-americanas. A programação tem sequência pela argentina Lucía Puenzo, e no próximo encontro tem exibição e debate de XXY.

Sinopse: Alex nasceu com ambas as características sexuais. Tentando fugir dos médicos que desejam “corrigir” a ambiguidade genital da criança, os pais levam Alex para um vilarejo no Uruguai. Eles estão convencidos de que uma cirurgia do tipo seria uma violência ao corpo de Alex, e por isso vivem isolados. Até que um dia, a família recebe a visita de um casal de amigos juntos do filho adolescente. Alex, que está com 15 anos de idade, e o jovem visitante, de 16, sentem-se atraídos um pelo outro. Continuar lendo

14 Ago. 2019: “Pelo Malo” de Mariana Rondón – Cineclube Solax

Neste mês, o Cineclube Solax traz quatro filmes de duas diretoras latino-americanas. A programação começou pela venezuelana Mariana Rondón, e no próximo encontro tem exibição e debate  de Pelo Malo. A tradução literal do título seria “Cabelo Ruim”, mas a distribuidora do filme no Brasil optou em manter o original em espanhol.

Sinopse: Junior, um menino de nove anos de idade, sonha em alisar o cabelo para ficar mais parecido com a imagem fantasiosa de um cantor de cabelos compridos. É como ele quer parecer e aparecer na foto do anuário escolar. A mãe, Marta, luta para sustentar a família após a morte do marido, e começa a criar sentimentos homofóbicos com relação ao filho. Continuar lendo

07 Ago. 2019: “Postais De Leningrado” de Mariana Rondón – Cineclube Solax

Neste mês, o Cineclube Solax traz quatro filmes de duas diretoras latino-americanas. A programação começa pela venezuelana Mariana Rondón, com exibição e debate  de Postales De Leningrado (Postais De Leningrado, na tradução literal).

Sinopse: Uma jovem guerrilheira está grávida. Perseguida pelo poder, precisa ter o bebê na clandestinidade. Mas, a filha é a primeira a nascer no Dia das Mães… Por isso, uma foto de ambas acaba publicada nos jornais venezuelanos daquele dia. São obrigadas a fugir por causa disso. A menina, narradora do filme junto com o primo Teo, reinventa a realidade ao redor dela, criando uma série de jogos, histórias e fantasias em que os dois aparecem como super-heróis e guerrilheiros. No entanto, os jogos não podem esconder as torturas, mortes e desaparecimentos que aconteceram no país naquele momento. Continuar lendo

26 Jun. 2019: “Eu Não Sou Uma Bruxa” de Rungano Nyoni – Cineclube Solax

O Cineclube Solax exibe e debate Eu Não Sou Uma Bruxa, de Rungano Nyoni.

Sinopse: Depois de um incidente banal na aldeia, Shula, uma criança de 8 anos de idade, é acusada de feitiçaria. Um breve julgamento a considera culpada e é exilada para um campo de bruxas no meio de um deserto. Lá, Shula é submetida a uma cerimônia de iniciação, na qual aprende as regras em torno da nova vida que terá de levar. A criança não foge por estar amarrada a uma árvore e sofre terror psicológico para não se desatar. Continuar lendo

19 Jun. 2019: “Mossane” de Safi Faye – Cineclube Solax

O Cineclube Solax exibe e debate Mossane, de Safi Faye.

Sinopse: Mossane, logo ao nascer, foi prometida pelos pais para casamento com Diogoye, um homem mais velho e rico. Diogoye cumpriu rigorosamente todas as exigências quanto ao dote e agrados aos pais de Mossane, enquanto a menina crescia. Mas a jovem, que é a moça mais linda da aldeia, se apaixona por Fara, um universitário pobre. Mossane tem outros planos quanto ao destino dela. E resolve lutar por ele. Continuar lendo

17 Abr. 2019: “História Mundana” de Anocha Suwichakornpong – Cineclube Solax

O Cineclube Solax exibe e debate História Mundana, de Anocha Suwichakornpong.

Sinopse: Ake é um jovem confinado à cama, depois que um acidente ter causado paralisia da cintura para baixo. Quem toma conta dele é Pun, um enfermeiro contratado por Thanin, o estoico patriarca da família. A casa principal no condomínio da família é uma grande edificação que já teve dias melhores. Um grupo de empregados que mora em uma casa anexa é responsável pelos vários serviços. Utilizando uma estrutura não-linear, o filme foca nos detalhes quase insignificantes da vida. E, aos poucos, são revelados segredos que se escondem atrás da atmosfera aparentemente pacífica da casa. Continuar lendo

10 Abr. 2019: “Dao Khanong” de Anocha Suwichakornpong – Cineclube Solax

O Cineclube Solax exibe e debate Dao Khanong, de Anocha Suwichakornpong. O título mundial do filme, em inglês, é By the Time It Gets Dark (No Momento Em Que Escurece).

Sinopse: Deparamo-nos com estórias entrelaçadas de vários personagens: um diretor de cinema e a musa dele, um renomado romancista, uma garçonete que quer mudar de emprego, um ator e uma atriz. As vidas de todos são frouxamente ligadas por fios quase invisíveis. No decorrer do filme, a narrativa muda de pele várias vezes para revelar camada sobre camada as complexidades que compõem nossas vidas. Continuar lendo

27 Mar. 2019: “Lazzaro Felice” de Alice Rohrwacher – Cineclube Solax

O Cineclube Solax, projeto realizado pelo Sesi Cultura Paraná, tem programação exclusiva em cineastas mulheres. Tendo iniciado as atividades no 2º semestre de 2018, o Solax retorna com tudo em 2019!

Após as curadoras e mentoras do cineclube, Camila Macedo e Débora Zanatta, demonstrarem a história do cinema realizado por mulheres tomando como exemplo algumas diretoras, de Alice Guy Blaché (início do Século 20) até Lucrécia Martel (dias de hoje), neste ano o formato do cineclube será de ciclos mensais. Cada mês contará com ciclo de uma cineasta diferente e mais voltado ao cinema atual, no geral filmes de 20 anos para cá.

O Ciclo Alice Rohrwacher chega ao fim com exibição e debate de Lazzaro Felice.

Sinopse: Lazzaro é um jovem humilde, trabalhador e sempre pronto a se sacrificar pelos outros. A brandura o torna uma presa fácil de todos os que, de uma forma ou outra, desejam aproveitar-se da inocência dele… Seja por Tancredi, um jovem nobre de intenções duvidosas, ou da terrível Marquesa Alfonsina de Luna, proprietária das terras onde Lazzaro vive com a família e que mantém os trabalhadores presos a rituais antigos, de forma a isolá-los do progresso. Quando Tancredi convence-o a ajudá-lo a fingir o próprio rapto, Lazzaro não imagina o quanto isso vai alterar a vida dele. Continuar lendo

20 Mar. 2019: “As Maravilhas” de Alice Rohrwacher – Cineclube Solax

O Cineclube Solax, projeto realizado pelo Sesi Cultura Paraná, tem programação exclusiva em cineastas mulheres. Tendo iniciado as atividades no 2º semestre de 2018, o Solax retorna com tudo em 2019!

Após as curadoras e mentoras do cineclube, Camila Macedo e Débora Zanatta, demonstrarem a história do cinema realizado por mulheres tomando como exemplo algumas diretoras, de Alice Guy Blaché (início do Século 20) até Lucrécia Martel (dias de hoje), neste ano o formato do cineclube será de ciclos mensais. Cada mês contará com ciclo de uma cineasta diferente e mais voltado ao cinema atual, no geral filmes de 20 anos para cá.

O Ciclo Alice Rohrwacher continua com exibição e debate de As Maravilhas.

Sinopse: Numa aldeia da Úmbria, uma região da Itália, é o fim do verão. Gelsomina vive com os pais e as três irmãs, numa quinta desmoronada onde produzem mel. As meninas são voluntariamente afastadas da realidade pelo pai, que prediz o fim do mundo e defende uma relação privilegiada com a natureza. No entanto, as regras rigorosas da família vão ser transtornadas com a chegada de Martin, um jovem delinquente acolhido no âmbito de um programa de reintegração à sociedade, e pela rodagem de “Aldeia das Maravilhas”, um jogo televisivo que invade a região. Continuar lendo

13 Mar. 2019: “Corpo Celeste” de Alice Rohrwacher – Cineclube Solax

O Cineclube Solax, projeto realizado pelo Sesi Cultura Paraná, tem programação exclusiva em cineastas mulheres. Tendo iniciado as atividades no 2º semestre de 2018, o Solax retorna com tudo em 2019!

Após as curadoras e mentoras do cineclube, Camila Macedo e Débora Zanatta, demonstrarem a história do cinema realizado por mulheres tomando como exemplo algumas diretoras, de Alice Guy Blaché (início do Século 20) até Lucrécia Martel (dias de hoje), neste ano o formato do cineclube será de ciclos mensais. Cada mês contará com ciclo de uma cineasta diferente e mais voltado ao cinema atual, no geral filmes de 20 anos para cá.

Começa pelo Ciclo Alice Rohrwacher, com exibição e debate de Corpo Celeste.

Sinopse: Marta é uma adolescente de 13 anos que retorna ao sul da Itália depois de ter passado dez anos na Suíça. Com dificuldades para se adaptar à nova vida, ela passa horas observando o que está ao redor. Ao mesmo tempo, enquanto se prepara para a crisma, questiona a moralidade da comunidade católica local. A partir de acontecimentos importantes para ela, como a primeira menstruação e a decisão de cortar o cabelo, Marta começa a retomar o controle da vida dela. Continuar lendo

05 Dez. 2018: “Carmen Miranda: Banana Is My Business” de Helena Solberg – Cineclube Solax

O Cineclube Solax chega ao fim do Ciclo “Outras Histórias do Cinema” com o tema “Cinema Novo Brasileiro”, através da exibição e debate de Carmen Miranda: Banana Is My Business, de Helena Solberg.

Sinopse: Documentário que aborda a vida de Carmen Miranda. Depois de conquistar fama no Rio de Janeiro, Brasil, a Pequena Notável, como também é conhecida, é importada pela Broadway no final da década de 1930. Apesar da estrela dela continuar brilhando, a multi-artista vira tema de controvérsias. Continuar lendo