22 Fev. 2018: “Raul – O Início, o Fim e o Meio” de Walter Carvalho – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Raul – O Início, O Fim E O Meio, de Walter CarvalhoLeonardo Gudel.

Sinopse: O documentário retrata as diversas facetas de Raul Seixas, compositor, cantor e músico brasileiro. As parcerias com Paulo Coelho, os casamentos, a fase de sucesso, etc. E principalmente, tenta desvendar a enorme comunicação que as músicas de Raul estabelecem e a legião de fãs que mobilizava e continua mobilizando até a atualidade. Rock’n roll, amor livre, Sociedade Alternativa, drogas, magia negra, ditadura militar, mulheres e filhas. Um homem que queria viver da própria obra e morreu por ela. O início, o fim e o meio se confundem, porque a história ainda não acabou. Continuar lendo

Anúncios

1º Fev. 2018: “FilmeFobia” de Kiko Goifman – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe FilmeFobia, de Kiko Goifman.

Sinopse: Diretor de um falso documentário sobre o medo na sociedade contemporânea coloca pessoas em contato com as próprias fobias. Misturando atores e não-atores, um diretor (interpretado por Jean-Claude Bernardet) busca a imagem verdadeira que só poderia vir de um fóbico frente ao seu objeto de medo, explorando os limites psicológicos das pessoas. A ideia é a de promover, de forma inusitada e lúdica, a superação desses medos, colocando os participantes do filme em situações extremas de tensão.
Continuar lendo

25 Jan. 2018: “Tropicália” de Marcelo Machado – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Tropicália, de Marcelo Machado.

Sinopse: Muito antes da chamada aldeia global existir e da Internet se propagar pelo mundo, o Brasil já era global. País antropofágico pela própria natureza, em que o novo e o velho, o estrangeiro e o nativo, não só conviviam como eram misturados, assimilados e recriados a todo momento. Que terra é essa em que, em plenos anos 1960, um canto de capoeira se fundia à força agressiva do rock n’ roll para entrar nos lares de milhares de famílias sob o nome de “Domingo no Parque”? Que nome dar a esta geleia geral? Tropicalismo! O diretor do filme, que cresceu ouvindo as ousadias sonoras de Caetano Veloso, Gilberto Gil, Mutantes e Tom Zé, entre outros, que não entendia as letras em inglês mas adorava os arranjos de um tal de rock n’ roll, conduz o espectador por uma viagem de sons e imagens através da história de um dos mais emblemáticos movimentos culturais brasileiros. Em um panorama afetivo construído com uma miscelânea de referências, entrevistas, pesquisas, imagens e, claro, canções, o espectador passeia pelos férteis, polêmicos e violentos anos de 1967, 1968 e 1969.
Continuar lendo

18 Jan. 2018: “Lixo Extraordinário” de Lucy Walker – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Lixo Extraordinário, de Lucy Walker.

Sinopse: Filmado ao longo de quase três anos, o documentário acompanha as visitas do artista plástico Vik Muniz a um dos maiores aterros sanitários do mundo, localizado no bairro Jardim Gramacho, município Duque de Caxias, Rio de Janeiro. Lá, além de procurar materiais para as obras dele, Vik fotografa um grupo de catadores de materiais recicláveis. O objetivo inicial de Muniz era “pintar” esses catadores com o lixo. No entanto, o trabalho com estes personagens revela a dignidade e o desespero que enfrentam quando instigados a imaginar as vidas deles fora daquele ambiente.
Continuar lendo

14 Dez. 2017: “Eu Sou O Povo” de Anna Roussillon – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Eu Sou O Povo, de Anna Roussillon.

Sinopse: Em janeiro de 2011, o Egito foi marcado por manifestações contra o governo. Enquanto dezenas de milhares de manifestantes se reuniram em Cairo, moradores pobres no sul do país acompanharam a situação tensa na Praça Tahrir pela televisão. É a partir da perspectiva deles que este documentário apreende as mudanças políticas no Egito, desde a derrubada do presidente Mubarak até à eleição e queda de Morsi. O filme revela as esperanças e desilusões dos camponeses e mostra que, apesar dos eventos intensos, muito pouco muda na realidade do local. Filme muito peculiar no mundo dos documentários, a diretora conviveu com as pessoas durante três anos, resultando num material extenso e riquíssimo, com os personagens revelando coisas que só vem com o tempo; em paralelo, com a convivência em longo prazo que costuma resultar em intimidade, junto surgem conflitos, como em quase toda relação humana, sendo que a cineasta não buscou esconder isso na edição final.
Continuar lendo

26 Out. 2017: “Democracia Em Preto E Branco” de Pedro Asbeg – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Democracia Em Preto E Branco, de Pedro Asbeg.

Sinopses: Durante o ano de 1982 a Ditadura Militar completava 18 anos no Brasil. A música popular brasileira sobrevivia de metáforas, devido a grande opressão e censura. O clube de futebol Corinthians passava por um período interno turbulento. Em meio disso, o rock nacional começava a nascer. O filme mostra como a música, o esporte e a política se encontraram para mudar o rumo da história do país.
Continuar lendo

21 Set. 2017: “Au Bord Du Monde” de Claus Drexel – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe o curta-metragem Atlantiques, de Mati Diop e o longa-metragem Au Bord Du Monde, de Claus Drexel. Os filmes fazem parte da programação da 36ª Feira Literária do SESC & XV Feira do Livro da Editora UFPR, dialogando com a mostra fotográfica Vidas Refugiadas, que também integra o evento.

Sinopses: Atlantiques. À noite, em volta da fogueira num acampamento, Serigne, um jovem de Dakar (Senegal), conta aos seus amigos  a odisseia dele de clandestino embarcado. Os ouvintes ficam desconcertados e se surpreendem com a coragem dele, que enfrentou o oceano Atlântico e a morte, mas sem entender exatamente o que o levou a embarcar para a Europa, onde a sobrevivência é mais fácil, mas parece ser inalcançável. Au Bord Du Monde. Noite em Paris, cidade onde Jeni, Wenceslas, Christine e Pascal vivem com outras pessoas. Sem-teto, eles perambulam como fantasmas pelas ruas, pontes e corredores do metrô, vivendo à beira de uma sociedade que não oferece amparo algum. Continuar lendo

14 Set. 2017: “Do Outro Lado Do Atlântico” de D. Ellery e M. Câmara – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Do Outro Lado Do Atlântico, de Daniele Ellery e Márcio Câmara. A sessão faz parte da edição deste ano do Cine Tornado Festival. Após a exibição do filme, o debate conta com a presença de Prof. Marcos S. da Silveira, docente da Universidade Federal do Paraná.

Sinopse: Documentário. As diversas percepções sobre identidades e culturas de estudantes africanos de países de língua portuguesa que estudam ou estudaram em universidades brasileiras. Dos dois lados do Atlântico, histórias de partidas, permanências e regressos são contadas, encontros e desencontros de pessoas e de ideias, percursos, desejos e sonhos. Continuar lendo

10 Ago. 2017: “Nostalgia Da Luz” de Patricio Guzmán – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Nostalgia Da Luz, de Patricio Guzmán.

Sinopse: No deserto de Atacama, astrônomos de todo o mundo se reúnem para observar as estrelas. Nessa região do Chile, a três mil metros de altitude, o calor do sol mantém intactos restos humanos. Ao mesmo tempo em que os astrônomos pesquisam as galáxias em busca de vida extraterrestre, mulheres procuram corpos de parentes na terra do deserto, mortos na ditadura militar.  Continuar lendo

20 Jul. 2017: “A Caverna Dos Sonhos Esquecidos” de Werner Herzog – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe A Caverna Dos Sonhos Esquecidos, de Werner Herzog.

Sinopse: O célebre diretor Werner Herzog nos leva mais uma vez à uma aventura incrível. Indo aos limites de um lugar extraordinário e superando desafios consideráveis, o filme registra a impressionante imponência da caverna de Chauvet, no sul da França, onde foram descobertas as mais antigas pinturas rupestres do mundo. Com o seu estilo marcante de sempre, Herzog nos revela um mundo subterrâneo estonteante, que inclui obras de arte com 32 mil anos de idade. Em paralelo, temos uma narração bem-humorada e envolvente, que reflete sobre o desejo primordial da humanidade em se comunicar e representar o mundo em volta, a evolução e o nosso lugar nela, e em última instância, o que significa ser humano. Continuar lendo

13 Jul. 2017: “Branco Sai, Preto Fica” de Adirley Queirós – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Branco Sai, Preto Fica, de Adirley Queirós.

Sinopse: Misto de ficção e documentário, o filme cria as imagens e sons a partir de uma história trágica: dois homens negros, moradores da maior localidade da periferia de Brasília, ficam marcados para sempre graças a uma ação criminosa de uma polícia racista e territorialista da Capital Federal. Essa polícia invade um baile black. Tiros, correria e a consumação da tragédia: um homem fica para sempre na cadeira de rodas, o outro perde a perna após um cavalo da polícia montada cair sobre ele. Mas esses homens não se sentem confortados em contar a história de maneira direta e jornalística. Eles querem fabular, querem outras possibilidades de narrar o passado, abrindo para um presente cheio de aventuras e ressignificações e propondo um futuro. Continuar lendo

CANCELADO: “Um Filme Para Dirceu” de Ana Johann – CineDocs de 5ª

Foi informado pelo DAC – Desenvolvimento Artístico Cultural do SESC Paço da Liberdade, que foi CANCELADA a programação do CineDocs de 5ª com Um Filme Para Dirceu, de Ana Johann.

A programação foi trocada para o filme 2 Automnes 3 Hivers, de Sébastien Betbeder.

Como nunca é demais lembrar, as atividades divulgadas no Cinema em Curitiba estão sujeitas a modificações e cancelamentos. Este espaço é apenas um veículo de divulgação, sem envolvimento direto com a organização e produção das atividades.

Lamentamos pelo transtorno.

Cinema em Curitiba
https://cinemaemcuritiba.wordpress.com/
https://www.facebook.com/cinemaemcuritiba

1º Jun. 2017: “Iván – De Volta Para O Passado” de Guto Pasko – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe Iván – De Volta Para O Passado, de Guto Pasko.

Sinopse: O documentário promove o emocionante retorno de Iván Bojko, imigrante ucraniano no Brasil, à terra natal dele, a Ucrânia. 68 anos depois de sair de lá, Iván, agora com 91 anos de idade, não esperava que o sonho de visitar a terra natal ainda fosse acontecer. Na visita, conversas marcantes sobre os tempos de guerra, a recepção da comunidade aos visitantes na Igreja local e o reencontro de Iván com familiares e amigos, em especial a emocionante visita à irmã. Tudo permeado pela narrativa que parte da leitura do diário de refugiado de Iván. O documentário não apenas acompanhou e gravou os fatos: o filme proporcionou o financiamento da viagem, sem o qual a mesma não teria existido. Belo exemplo de cinema que transforma a vida das pessoas, começando desde os próprios personagens. Uma volta ao passado que projeta o futuro. Continuar lendo

18 Mai. 2017: “São Francisco” de João Marcelo – CineDocs de 5ª

O CineDocs de 5ª exibe São Francisco, de João Marcelo.

Sinopse: A partir da visão de moradores, arquitetos, comerciantes e artistas que têm participação ativa no cotidiano do bairro, o filme aborda a recente ocupação da rua pelas pessoas, os conflitos sociais decorrentes do fenômeno, o uso e o tráfico de drogas na região, além de assuntos relacionados. A obra teve como ponto de partida o livro O que é Morar no São Francisco, escrito pela arquiteta e pesquisadora Danielli Wal. Continuar lendo