18 Ago. 2018: “Contrastes Humanos” de Preston Sturges – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Contrastes Humanos, de Preston Sturges.

Sinopse: Acostumado a dirigir filmes simples e sem grandes implicações, o cineasta John L. Sullivan decide fazer um filme sobre os problemas sociais. Todavia, é desencorajado pelos produtores, que o acham incapaz para tal. Para provar o contrário, ele se traveste de mendigo e vai para as ruas, para viver a experiência de perto e ter contato com a realidade. Continuar lendo

Anúncios

04 Ago. 2018: “O Atalante” de Jean Vigo – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate O Atalante, de Jean Vigo.

Sinopse: Quando se casa com Jean, Juliette vai morar na embarcação do marido, chamada L’Atalante, onde o casal está acompanhado apenas de outros dois tripulantes. Pouco tempo depois, entediada com a vida à bordo, a mulher desembarca em Paris para conhecer os atrativos da cidade grande. Irritado com isso, Jean zarpa, abandonando-a. Depois, angustiado por sentimento de culpa e pela saudade, cai em depressão. Um dos tripulantes volta à metrópole para tentar encontrar Juliette. Continuar lendo

21 Jul. 2018: “Rosa La Rose, Garota De Programa” de Paul Vecchiali – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Rosa La Rose, Garota De Programa, de Paul Vecchiali.

Sinopse: Rosa la Rose é a mais bela prostituta de Les Halles. Todos os clientes a desejam e ela não nega nenhum deles. O cafetão é um homem compreensivo e generoso. Sobre a vida de Rosa há pouco a contar. Até que surge um jovem chamado Julien e ela se apaixona. Mas valerá a pena deixar a vida atual por uma loucura de amor? Continuar lendo

07 Jul. 2018: “Nuvens De Verão” de Mikio Naruse – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Nuvens De Verão, de Mikio Naruse.

Sinopse: Yae, que perdeu o marido na guerra, administra uma pequena fazenda com a sogra, enquanto cria o único filho, Tadashi. Em certa ocasião, o repórter Okawa a entrevista sobre as recentes reformas agrícolas, e os dois acabam tornando-se amigos. O pós-guerra e os traumas do período foram uma constante na obra de Naruse a partir do início da década de 1950. Nuvens De Verão (Iwashigumo), um dos mais célebres filmes do cineasta, é uma sucessão de pequenas histórias vividas por uma família de camponeses no pós-guerra. Ligando-as uma às outras e assim dando unidade ao filme, está a personagem da jovem viúva Yae, dividida entre manter a independência e a necessidade de voltar a casar. Continuar lendo

23 Jun. 2018: “Paixão” de Brian de Palma – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Paixão, de Brian De Palma.

Sinopse: No enredo, uma cruel luta pelo poder entre duas executivas de alto nível. Christine é elegante, confiante e ambiciosa. Já Isabelle, novata protegida por Christine, é tímida mas brilhante, e começa a ter algumas das ideias dela roubadas… Christine instaura um jogo perverso, humilhando e dominando Isabelle. Continuar lendo

09 Jun. 2018: “Jacques Rivette – O Vigilante” de C. Denis e S. Daney – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Jacques Rivette – O Vigilante, de Claire Denis e Serge Daney.

Sinopse: Integrante da série Cinéma, De Notre Temps, o documentário de Claire Denis retrata o diretor e crítico de cinema Jacques Rivette, de quem ela foi assistente, geralmente avesso à mídia, em conversas com outro crítico e cinéfilo, Serge Daney. Nas duas partes do filme (O Dia / A Noite), os dois encontram-se às voltas com temas como o início da “Turma dos Quatro” – Godard, Rivette, Rohmer e Truffaut –, com a Cahiers du Cinéma, André Bazin e, em palavras e imagens, com cinco trabalhos essenciais da filmografia de Rivette: Paris Nous Appartient, L’Amour Fou, Out 1, Duelle e Le Pont Du Nord. Continuar lendo

26 Maio 2018: “O Fantasma Apaixonado” de Joseph L. Mankiewicz – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate O Fantasma Apaixonado, de Joseph L. Mankiewicz.

Sinopse: Um ano após a morte do marido, Lucy Muir decide não mais viver com a sogra e a cunhada. Aluga o “Chalé Gaivota”, uma casa à beira-mar, e para lá se muda com sua filha e sua empregada. Porém, logo o fantasma de Daniel Gregg, o falecido proprietário da casa que morrera em um suposto suicídio, surge para a amedrontá-la. Todavia, a empreitada do fantasma em assustar a mulher não surte efeito, e aos poucos nasce uma amizade entre os dois. Quando Lucy se vê em grave situação financeira, Daniel decide narrar a vida dele à ela, a fim de ser transformada em livro e poder render dinheiro.  Continuar lendo

19 Maio 2018: “Coisas Secretas” de Jean-Claude Brisseau – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Coisas Secretas, de Jean-Claude Brisseau.

Sinopse: Nathalie ensina a Sandrine que a transgressão sexual pode causar um prazer violento e proporcionar a quem se serve dela uma poderosa arma para subir na hierarquia social. Decidem arranjar emprego num banco, um ambiente onde as vítimas abundam. Depois de se aproveitarem de vários funcionários superiores, chegam a Christophe, filho do patrão e futuro diretor do banco. Porém, o jovem, de caráter libertino, estabelecerá um conjunto de regras completamente novo do que elas estão acostumadas. Continuar lendo

28 e 29 Abr. 2018: Mostra Filme B: Parte II – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante apresenta a segunda parte da Mostra Filme B com exibição e debate de 5 filmes.

Apresentação oficial da Mostra: “O cinema B nasceu na curva da grande crise de 1929 que abalou a indústria hollywoodiana, da ideia de que seria necessário desde então dar mais aos espectadores pelo mesmo preço, visando continuar a encher as salas. Filmes de ação com orçamentos minúsculos, os “Bs”, se viravam com restrições draconianas de tempo e dinheiro, na ausência de qualquer intenção artística. Durante os anos quarenta e cinquenta, estes filmes acabaram por impor um estilo de encenação, por gerar uma competência verdadeira. A série B se tornou uma forma de arte bruta, ao mesmo tempo selvagem e estilizada, e mesmo, muitas vezes, mais diversificada que as figuras impostas pelos gêneros do cinema hollywoodiano clássico” (Charles Tesson).

28 de Abril, sábado as 16h00. A Força Do Mal, de Abraham Polonski. Joe Morse é um advogado ambicioso que representa os interesses de Ben Tucker, chefe da organização criminosa de jogo de azar que planeja monopolizar a jogatina em Nova York. Para isso, a organização executa um golpe ousado que faz muitas vítimas, sendo uma delas o irmão de Joe, que fica dividido entre interesses financeiros e a vida do irmão.

28 de Abril, sábado as 18h30. Madrugada Da Traição, de Edgar G. Ulmer. O bandido mexicano Santiago consegue corromper o pobre,mas orgulhoso fazendeiro Manuel e a esposa dele, Maria, oferecendo-lhes oportunidade em participar de um assalto a trem. A princípio resistentes, os dois acabam atraídos pelo dinheiro fácil. Continuar lendo

21 e 22 Abr. 2018: Mostra Filme B: Parte I – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante apresenta a primeira parte da Mostra Filme B com exibição e debate de 4 filmes.

Apresentação oficial da Mostra: “O cinema B nasceu na curva da grande crise de 1929 que abalou a indústria hollywoodiana, da ideia de que seria necessário desde então dar mais aos espectadores pelo mesmo preço, visando continuar a encher as salas. Filmes de ação com orçamentos minúsculos, os “Bs”, se viravam com restrições draconianas de tempo e dinheiro, na ausência de qualquer intenção artística. Durante os anos quarenta e cinquenta, estes filmes acabaram por impor um estilo de encenação, por gerar uma competência verdadeira. A série B se tornou uma forma de arte bruta, ao mesmo tempo selvagem e estilizada, e mesmo, muitas vezes, mais diversificada que as figuras impostas pelos gêneros do cinema hollywoodiano clássico” (Charles Tesson).

21 de Abril, sábado as 16h00. Mortalmente Perigosa, de Joseph H. Lewis. Obcecado por armas de fogo desde a infância, Barton não consegue encontrar um objetivo na vida depois de passar anos num reformatório e depois como instrutor de tiro no exército. A situação muda quando ele conhece num circo a insinuante e misteriosa atiradora Annie Starr. Perdidamente apaixonados, os dois atiradores fogem deixando um rastro de crimes pelo Estado, como uma versão contemporânea de Bonnie e Clyde.

21 de Abril, sábado as 18h30. Silêncio Nas Trevas, de Robert Siodmak. Helen Capel, uma mulher de 27 anos, é muda devido a um trauma de infância. Trabalha como cuidadora da inválida Sra. Warren em uma pequena cidade da Nova Inglaterra. A dama tem dois filhos, o professor Warren e o mulherengo Steve. Helen encontra-se apaixonada pelo Dr. Parry, recém-chegado à localidade. A paz do lugar é quebrada quando três mulheres aparecem mortas. Um ponto comum entre elas é que todas possuíam algum tipo de deficiência física. Helen, por ser muda, teme que venha a ser a próxima vítima do assassino. Continuar lendo

24 Mar. 2018: “Fogo Contra Fogo” de Michael Mann – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Fogo Contra Fogo, de Michael Mann.

Sinopse: Neil McCauley, mesmo após anos na cadeia, quando solto resolve continuar vivendo do crime. Ele, capitaneando uma gangue, planeja um plano de roubo impecável. Obtém êxito, mas não alcança a impecabilidade esperada: para dar tudo certo, a gangue teve de matar  três policiais. Vincent Hanna é agente no Departamento de Roubos e Homicídios da Polícia de Los Angeles.  Assumindo o caso realizado pela gangue, leva  tudo para o lado pessoal. Afinal, três policiais foram mortos. Antagonistas, Neil e Vincent possuem algo em comum: são obcecados pelo que fazem. Todas as pessoas e ambientes que cercam os dois são influenciados por isso, tanto positiva como negativamente. Em especial, a obsessão pelo trabalho leva a vida pessoal deles à ruína. Instaura-se uma estória policial do tipo “gato e rato”, mas na qual nem tudo é “preto ou branco”… Porém, os personagens tampouco são “dois lados da mesma moeda”. Continuar lendo

10 Mar. 2018: “Aos Nossos Amores” de Maurice Pialat – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate Aos Nossos Amores, de Maurice Pialat.

Sinopse: Aos quinze anos, Suzanne faz a terrível descoberta de que é mais fácil dormir com os homens do que se apaixonar por eles. Na tentativa de fugir de problemas familiares, vai acumulando experiências sexuais. Emocionalmente distante da família, ela conta apenas com a compreensão do pai, tendo que enfrentar a hostilidade da mãe e do irmão, que condenam veementemente o modo como ela leva a vida. Mas, quando o pai abandona a casa para viver com outra mulher, o mundo de Suzanne ganha um novo rumo.

Continuar lendo

24 Fev. 2018: “No Mundo Da Lua” de Robert Mulligan – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate No Mundo Da Lua, de Robert Mulligan.

Sinopse: Dani é uma jovem 14 anos que leva uma vida simples e tem estado solitária. A irmã mais querida viajou para Duke, a mãe está grávida novamente e o pai é um homem fechado. A vida da menina só fica mais doce quando uma família se muda para uma fazenda próxima. Um dos integrantes da família é Court Foster, de 17 anos. Os dois passam a interagir e os sentimentos dos adolescentes começam a aflorar.

Continuar lendo

10 Fev. 2018: “O Monstro De Londres” de Joseph Losey – Cineclube do Atalante

O Cineclube do Atalante exibe e debate O Monstro De Londres, de Joseph Losey.

Sinopse: Um psiquiatra decide experimentar uma nova técnica com um dos pacientes, convidando-o para morar na casa dele. Mesmo ciente do risco corrido, o médico ignora todas as recomendações policiais, colocando em risco a vida da própria esposa. Ele não imagina o quão perigoso o novo hóspede verdadeiramente é… Muito menos, se dá conta que a mulher pode estar infeliz ao ponto de se deixar envolver por uma nova sedução.

Continuar lendo